Artigos

A importância da Ergoespirometria para quem faz exercícios físicos

A importância da Ergoespirometria para quem faz exercícios físicos

Nada é mais importante nos dias de hoje do que enfrentar as dificuldades que uma rotina mais sedentária impõe na nossa rotina. São horas de trabalho sentados, deslocamento no trânsito e pouco ânimo para se exercitar ao chegar em casa. Apesar disso tudo, sabemos que é preciso vencer a preguiça e mudar essa realidade.

Ao visitar o consultório de um médico, para fazer o check-up antes de retomar a rotina de atividades físicas, muito provavelmente você vai ouvir falar de um exame que eles fazem questão de lhe pedir: a ergoespirometria. Você sabe o que é esse exame e a sua real importância para quem faz exercícios físicos? Abaixo lhe explicamos um pouco a mais sobre ele.

O que é a ergospirometria?

O exame de ergoespirometria, também chamado de teste ergoespirométrico, é responsável por avaliar o nível do condicionamento físico de um indivíduo, baseado em suas atividades cardiovasculares e respiratórias diante de um momento de esforço extremo.

Por isso, na realização desse exame, o paciente é exposto a um nível relativamente intenso de atividades físicas – geralmente uma corrida ou caminhada na esteira – enquanto seu médico acompanha seus dados cardiovasculares e respiratórios, para entender como o organismo se comporta em sua situação limite de esforço.

Por que fazer a ergoespirometria antes de iniciar um exercício físico?

A realização do exame de ergoespirometria é indispensável para qualquer pessoa que vai iniciar um tipo de exercício físico, ou que já mantem uma rotina regular de prática de exercícios aeróbicos e anaeróbicos. O motivo é simples: é através dele que seu médico será capaz de lhe orientar sobre os tipos de exercício que você pode ou não realizar, qual o nível de intensidade e, é claro, sua frequência, para garantir total segurança no momento do treino ou prova.

Indivíduos que realizam exercícios físicos sem a orientação de um profissional que avaliou seu exame de ergoespirometria, correm maiores riscos de desenvolver quadros de desconforto durante o treino, cansaço excessivo e, em casos extremos, até mesmo chegar a morte durante ou após a realização do exercício de maneira irregular.

O que é preciso para realizar um exame de ergoespirometria?

Para realizar um exame de ergoespirometria é preciso, antes de tudo, de marcar uma consulta médica com um médico do esporte ou um cardiologista. Esses dois profissionais são os mais capacitados para avaliar a necessidade desse pedido e, em seguida, seus resultados esperados.

Em seguida, ao marcar seu exame, você será orientado a alimentar-se corretamente no dia da ergoespirometria, não fumar, usar roupas confortáveis para treino, estar em repouso por 12h e não usar gel ou creme na pele. Todos esses fatores podem prejudicar significativamente os resultados do exame. Todo o teste dura cerca de 20 minutos, intervalado entre esforços físicos e períodos de descanso.

Você vai iniciar uma rotina regular de atividades físicas e ainda não marcou seu exame de ergoespirometria? Agende uma consulta com nossos especialistas e receba o acompanhamento completo para cuidar da sua saúde de maneira correta!