Artigos

Dor no joelho não é impedimento para exercícios físicos

Quem nunca sentiu um desconforto no joelho que atire a primeira pedra. Os joelhos frágeis são sempre sinônimo de avanço da idade, entretanto, esse desconforto – especialmente após uma atividade física ou um “mal jeito” – pode aparecer em pessoas de qualquer idade.

As dores no joelho são um dos principais motivos que afastam pessoas da prática de exercícios físicos, mas, especialistas dizem que isso não deve ser um impedimento para se exercitar. Que tal entender mais sobre essa situação?

Por que a dor no joelho se desenvolve?

Dores no joelho podem ter várias causas associadas, que passam por desequilíbrio muscular, problemas de alongamento, grande impacto e sobrecarga na região durante um exercício ou movimento do dia a dia.

Todas as situações, entretanto, podem ser prevenidas e tratadas com o auxílio de orientação profissional e, é claro, muita dedicação.

Por que sentir a dor no joelho não deve me afastar dos exercícios físicos?

Como a grande maioria das causas de uma dor no joelho pode estar relacionada com a falta de fortalecimento e desenvolvimento da musculatura da região, é natural que você possa encontrar o exercício perfeito para não sobrecarregar a estrutura e, é claro, fortalecê-la para avançar nos treinos.

Os exercícios físicos, entretanto, devem ser realizados com orientação médica e de um profissional de educação física para evitar novas lesões e piora das dores na região.

Como prevenir as dores no joelho?

As dores no joelho podem ser prevenidas em qualquer pessoa, com a ajuda de cuidados simples e que devem fazer parte do nosso dia a dia:

  • Alongar-se diariamente, especialmente antes e após os exercícios físicos;
  • Realizar exercícios de fortalecimento na região (com ajuda da musculação ou de treinos funcionais);
  • Visitar um médico regularmente para acompanhar a situação e corrigir postura e vícios;
  • Não exagerar na rotina de treinos;
  • Utilizar os calçados corretos em qualquer situação do dia a dia para não sobrecarregar a estrutura dos joelhos.

Para quem já desenvolveu as dores, o tratamento também pode ser simples, apesar de exigir um pouquinho mais de paciência e cautela. O acompanhamento de um médico especialista também pode auxiliar a evitar e tratar determinadas condições. Lesões mais graves podem até exigir algum tipo de tratamento mais invasivo, como o cirúrgico, mas são raros.

Marque uma consulta com nossos profissionais de medicina esportiva!