Artigos

Pessoas com asma podem praticar atividades físicas?

A falta de ar é um sintoma frequente por quem pratica atividades físicas intensas – ou sem preparo físico para elas. Exatamente por correr risco de desencadear esse tipo de sintoma é que muitas pessoas que tem asma diagnosticada temem realizar exercícios.

É fato conhecido que pelo menos 80% dos asmáticos podem ter crises que se desencadeiam por causa de uma atividade física realizada de maneira irregular, mas é importante saber que pelo menos 10% dos atletas de alto rendimento também manifestam o mesmo sintoma, mas não tem a doença. Isso é um sinal de que quem tem asma consegue praticar atividades físicas de maneira segura? Confira o artigo abaixo e se informe!

Relação entre respiração e atividades físicas

Por que as pessoas manifestam sintomas de asma durante a prática de atividades físicas? O nome dado para essa falta de ar durante a realização de um exercício é “asma de esforço” e ela pode acontecer por vários motivos: altas temperaturas, baixa humidade do ar, respiração errada, excesso de exercício e esforço repetitivo.

Essas situações, tanto para asmáticos, quanto para não asmáticos, podem colocar em risco a saúde de qualquer indivíduo e, por isso, é preciso cautela e preparo para realizar as atividades físicas da maneira correta.

Como o exercício ajuda a asma

Algumas atividades físicas ajudam o organismo a reaprender a respirar de maneira correta, auxiliando o indivíduo que tem asma a controlar a inspiração e expiração do oxigênio, evitando crises.

É importante ficar atento, entretanto, porque os sintomas da asma durante a prática de algum exercício têm início nos primeiros 10 minutos de treino. Eles costumam cessar ao longo da prática, entretanto, o indivíduo pode precisar de algum auxílio no começo para evitar o desconforto dos minutos iniciais. Para isso, o uso de broncodilatadores – prescritos por um médico – pode ser uma sugestão até o indivíduo recuperar o preparo físico.

Quais são os melhores exercícios para asmáticos

Diferentes exercícios físicos podem ser sugeridos para quem tem asma – alguns mais leves, outros mais intensos. Listamos os mais indicados por médicos e especialistas em esporte:

  • Caminhadas (30 a 40 minutos diários);
  • Bicicleta;
  • Natação (30 minutos diários);
  • Futebol.

Proteja-se contra a falta de ar

Para praticantes de atividades físicas que ainda estão começando a controlar seus quadros de asma e a intensidade de exercícios, o auxílio dos broncodilatadores – ou as famosas bombinhas de ar – não pode ser dispensado. Esse uso, entretanto, deve ser controlado e gradualmente diminuído pelo médico, de acordo com a melhora da resposta do organismo do paciente à realização do exercício.

Fique atento também à pratica de exercícios em dias mais frios, visto que a baixa umidade e a temperatura podem desencadear mais sintomas de falta de ar. Nesses dias, se possível, prefira exercícios que podem ser realizados em ambientes fechados.

Você tem asma e realiza atividades físicas? Que tal marcar uma consulta com um profissional médico para exercitar-se com maior segurança?